Como o planejamento de comunicação garante o sucesso de empreendimentos da agricultura familiar?

terça-feira, 31 de julho de 2018. Postado por .

Iniciar um empreendimento relacionado à agricultura familiar e à agroecologia não é tarefa das mais simples. Além de pensar no planejamento estratégico, planejamento financeiro, plano de vendas – imprescindíveis para quaisquer empresas -, são necessários alvarás, licenças e outras certificações que podem garantir bons resultados. No entanto, há algo fundamental que pode fortalecer o seu negócio e a sustentabilidade dele: o planejamento de comunicação e marketing.

Existem diversas ferramentas que podem auxiliar você a estruturar bem a comunicação do seu empreendimento. É importante lembrar que montar um planejamento de comunicação vai muito além de ter uma página da sua empresa em alguma rede social, fazer um cartão de visitas ou anunciar em jornais e rádios.

Vou elencar algumas ações que podem auxiliar na elaboração do plano de comunicação e marketing do seu empreendimento, associação, rota de turismo rural ou cooperativa. Vamos lá?

Alinhar planejamentos: estratégia, investimento, comunicação e marketing

Estruturar o plano de acordo com toda a estrutura da sua empresa é imprescindível para poder planejar adequadamente cada passo na comunicação. Desse modo, é possível conhecer a percepção que o público tem sobre sua marca, determinar a melhor estratégia para resgatar o máximo do seu investimento e fortalecer seu posicionamento.

É preciso também observar o seu potencial de crescimento para projetar o alcance de suas ações de marketing e organizar tudo de acordo com suas metas, objetivos, missão, valores e todos os outros planejamentos. Isto é, alinhar todos os princípios da empresa ao seu posicionamento de comunicação.

Definir o público-alvo

Para aproveitar o dinheiro e o tempo investidos em planejamento, você deve estar bem informado sobre quem quer atingir. Uma boa estratégia para conseguir enxergar melhor o seu público é criar personas. Ou seja, perfis baseados nas preferências do seu público que permitem que você enxergue melhor o seu cliente ideal.

Essa ferramenta permite também que você entenda como o seu cliente vai adquirir o seu produto ou serviço. Assim, você conseguirá atingir as necessidades deles e torná-los fiéis à marca.

Conhecer e analisar a concorrência

Estar atento a empresas que oferecem produtos e serviços semelhantes aos seus é fundamental. Observar como elas se comunicam com o público, como se posicionam, quais ferramentas utilizam são ações muito simples, mas que já auxiliam na leitura dos seus concorrentes. Mapear os pontos positivos e negativos pode ser uma forma de você construir ou reavaliar seu plano de marketing e comunicação.

Definir estratégias

Pensar cada passo de sua empresa em relação ao público é importantíssimo. Se você, por exemplo, estiver prestes a lançar uma nova linha de produtos no mercado e trabalhou com afinco na elaboração deles, pode ter melhores resultados se lançá-la de maneira assertiva, elaborando materiais que possam interessar a imprensa e os influenciadores digitais, que são pessoas públicas que tem muitos seguidores e compartilhem seu estilo de vida com eles.

O público atingido pelos influenciadores ou pela imprensa tradicional vai procurar saber mais sobre seu produto. Assim, você gera mídia espontânea para sua marca, recebendo ainda mais crédito de seus consumidores.

Para isso, muitas ações são possíveis, como, por exemplo, promoção de eventos, participação em feiras, gerenciamento de redes sociais, assessoria de imprensa e promoção de vendas.

Elaborar orçamento e cronograma de ações

Mapear datas importantes, construir anúncios com base em suas personas, planejar conteúdos que estejam diretamente ligados à sua marca nas redes sociais e estabelecer seu limite de gastos são algumas das ações às quais você deve estar atento.

Não é porque você construiu um planejamento que nada pode ser alterado, mas a segurança de ter um plano simples – porém bem estruturado -, com metas, plano de mídia e calendário podem ajudar.

Monitorar o cliente

Essa dica é importantíssima para quando seu plano já estiver em curso. Observar resultados, envolvimento e interações podem lhe dar uma noção de como seu cliente se comporta e, consequentemente, você terá maior noção do que deu certo e o que terá de ser melhorado.

Revisar o plano de marketing e comunicação

A partir do momento que você tiver um planejamento, deve estar aberto a alterações e precisa ser disciplinado com a revisão do que construiu. As suas personas são baseadas em um público real que está em constante mudança.

Por isso, você deve observar os resultados e acompanhar as tendências de consumo – tanto da comunicação e do marketing, quanto dos produtos ou serviços que oferta. Estar atualizado é a chave para ser assertivo e melhorar a qualidade do seu negócio.

Caso sua empresa queira planejar a comunicação e as ações de marketing, entre em contato com a Cultivo pelo e-mail contato@agenciacultivo.com.br ou pelas redes sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia também

Como cooperativas podem usar o espírito cooperativo na comunicação e no marketing

Baseadas na gestão democrática, na ajuda mútua, na solidariedade e na equidade, as cooperativas podem se beneficiar dessas características na comunicação e no marketing, sobretudo quando são do setor agropecuário. Como? Damos algumas dicas neste post.

Projeto, empresa, agência de comunicação: o que a Cultivo é?

Algumas pessoas ainda acreditam que a Cultivo seja um projeto. Entretanto, nós preferimos denominá-la de agência de comunicação. Quer saber o porquê e entender mais sobre as dificuldades e os desafios de se estabelecer no meio da comunicação rural? Contamos tudo também para nós mesmas neste post!

6 maneiras de fortalecer o turismo rural por meio da gastronomia

A gastronomia é um elemento-chave para conhecer uma região, especialmente as rotas de turismo rural, pois expressa as identidades locais e valoriza as produções e costumes culinários. Confira seis formas de aliar gastronomia e turismo rural neste post.